Palavras Vivas
Escrever Exige Capricho
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Perfil
Sou autor de dois livros infantis, um infanto-juvenil e diversos de literatura adulta, além de um livro que aborda a produção textual. Os mesmos se encontram no site, no espaço Livros à Venda. Sou também revisor de textos, cadastrado no Clube de Autores, tendo em três anos e meio realizado mais de 300 trabalhos com generosas avaliações dos autores contratantes.
Você me encontra no twitter como @profroque e no facebook com meu nome completo Roque Aloisio Weschenfelder.

Quem lê meus textos vê a imagem que faço de mim, mas não deve me julgar pelos caprichos das personagens que crio. Sou as entrelinhas nunca os sobressaltos, sou o lado otimista dos sofredores e o pessimista dos vencedores.
Então, talvez nem seja eu; apenas o que possa ser depreendido do que você pensa de mim.

Sou uma frase
que forma uma oração
que poderia ser coordenada,
mas está subordinada a você.
Nesta frase tem um verbo transitivo - amar -
que gera um objeto direto - se.
Mas para ficar bem legal a frase precisa
do sujeito - Você.
Para ficar doce deve haver um verbo de ligação - é
e um predicativo do sujeito - legal.
Isto provoca um período simples com verbo transitivo indireto - Gosto
ligado pela preposição - de
ao objeto indireto - você.
Estamos os dois precisando de um agente da passiva - pelo amor
em que há um sujeito composto - Eu e Você
com verbo composto - somos regidos.
Então basta um beijo
para referendar o texto que se compôs mediante uma simples oração